As inovações tecnológicas estão transformando a educação. Diversas ferramentas vem gerando resultados incríveis nos processos de aprendizagem, seja em instituições de ensino — para todas as idades — e em empresas. De tantas soluções, a adoção da gamificação como estratégia educativa está ganhando destaque no mundo inteiro. 

Porém, muitas organizações e instituições podem se questionar: por que investir nessa metodologia? Quais resultados ela irá gerar em seus processos de aprendizagem, independentemente do contexto e faixa etária dos estudantes?

Gamificação: a inovação na educação

Há tempos que a ideia equivocada de que a tecnologia atrapalhava os processos de aprendizagem está caindo por terra: soluções inovadoras como o EAD; realidade virtual; big data e gamificação estão cada vez mais presentes nas salas de aula — seja no ensino básico, fundamental, médio, universitário, corporativo e em cursos livres. 

Essas ferramentas abriram um mundo de possibilidades na educação, enriquecendo o aprendizado ao usar recursos variados e imersivos nas atividades. Dessas soluções, a gamificação é uma das que costuma aparecer com frequência nas listas de tendências, do ensino tradicional a educação corporativa

Em resumo, a gamificação é uma estratégia que usa elementos, design e lógica dos jogos em contextos que não tem como objetivo apenas o entretenimento. Essa metodologia aplica recursos como avatares, missões e medalhões para motivar as pessoas a realizarem atividades e até mesmo a mudarem comportamentos. 

A gamificação vem sendo adotada nas mais diferentes áreas — como saúde, segurança, política, empresas e educação — gerando resultados impressionantes. Não é à toa que várias organizações mundiais vêm investindo nessa estratégia, como a Microsoft e Nike. 

Na educação, a gamificação pode se tornar uma grande aliada dos professores, instrutores, estudantes — de diversas idades —, instituições e empresas. Os jogos são atividades naturalmente motivadoras e que despertam a curiosidade e atenção das pessoas: o que torna essa estratégia uma arma poderosa, se adotada com planejamento e eficiência. 

E existem diversos motivos para fazer uma afirmação dessas.

Por Que Apostar na Gamificação como Estratégia Educativa?

Investir na gamificação nas ações de educação, seja tradicional ou corporativa, pode ser uma excelente ideia para tornar os estudos mais engajadores, dinâmicos e eficientes. Diversos elementos permitem com que essa metodologia traga diversos benefícios para as aulas:

Engajamento

O principal argumento para adoção da gamificação na educação é sua capacidade de despertar o engajamento dos estudantes. Um treinamento corporativo ou aula podem se tornar entediantes para alguns participantes, ainda mais quando somente é usado o método tradicional expositivo, reduzindo assim sua atenção e dedicação às atividades. 

A gamificação oferece uma experiência imersiva e interativa de aprendizado, tornando o momento de estudo mais dinâmico e até divertido. Desde a infância as pessoas entendem e se atraem por atividades relacionadas aos jogos, fazendo dessa estratégia educacional uma metodologia acessível e interessante para estudantes de todas as idades. 

Além disso, o aumento da motivação nos estudos pode contribuir para melhorar o resultado dos estudantes, ajudando na sua concentração e assimilação dos conhecimentos.  

Metodologia moderna

Não adianta ignorar a tecnologia em sua realidade: cada vez mais as ferramentas estarão presentes em nossas vidas e deixar de aproveitar suas possibilidades é um tiro no pé. Os estudantes — desde crianças a adultos — já estão acostumado às soluções tecnológicas, lidando com celulares e tablets para diversas tarefas do seu dia a dia. 

Incorporar uma estratégia educativa gamificada ajuda a embarcar nessa onda tecnológica e a oferecer uma experiência moderna, imersiva e interativa de aprendizagem. Além disso, as plataformas possibilitam o uso dos mais variados recursos, fortalecendo o ensino daqueles que precisam de estímulos diferentes para aprender

Experiência inovadora 

A gamificação adota uma metodologia ativa de aprendizagem, dando maior liberdade e autonomia para os estudantes. Em vez de serem apenas receptivos às informações trazidas pelos professores e instrutores, os participantes interagem com os materiais para construir seu conhecimento. Na dinâmica do jogo, o usuário não é um mero ouvinte, sim protagonista daquela jornada — o que transforma completamente sua experiência educacional. 

Outra questão que a gamificação aproveita e que a diferencia do estilo tradicional de ensino é a educação por meio do erro: a falha não é vista como algo negativo, sim uma oportunidade de aprendizado. 

Fortalecimento dos conhecimentos

Além dessa abertura ao aprendizado também por meio do erro, a gamificação pode contribuir para a fixação das informações adquiridas nas aulas e treinamentos por usar elementos lúdicos. 

Tudo que é aprendido com estímulos positivos é mais fácil de ser gravado na memória. Isso significa que os estudantes irão ter maior facilidade em reter os conhecimentos estudados e ter melhores resultados nas avaliações ou situações do dia a dia. 

Uso de dados

Uma das maiores vantagens que as plataformas podem oferecer, inclusive no caso da gamificação, é gerar relatórios detalhados do desempenho dos participantes. As ferramentas coletam informações da performance dos estudantes em cada atividade, disponibilizando os dados de forma automatizada e prática para os responsáveis pela estratégia educacional.

Isso ajuda a identificar quais conhecimentos não foram tão bem assimilados pelos estudantes e quais estão sendo bem trabalhados, ajudando a equipe pedagógica e RH a ter em mãos dados confiáveis para aprimorar as estratégias e ter melhores resultados na aprendizagem. 

Como Adotar Gamificação como Estratégia Educativa?

Apostar nessa metodologia na educação, independentemente do contexto, pode ser mais fácil do que se imagina. Primeiro é preciso definir os objetivos da estratégia — quais lacunas de aprendizagem e onde a gamificação seria adotada — além de compreender o perfil do público-alvo da ação para montar uma dinâmica verdadeiramente engajadora. 

Uma dica especial é contar com a parceira de uma empresa especializada, que saiba desenvolver e aplicar uma plataforma eficiente em sua realidade, identificando as necessidades e oportunidades da adoção da gamificação nas ações educativas da sua organização. 

Isso permite com que a equipe pedagógica, RH, professores e instrutores foquem em suas atividades, em vez de ter que lidar com questões mais estratégicas e técnicas da metodologia — facilitando a vida de todos e investindo em uma plataforma realmente engajadora e eficiente. 

Além de transformar a experiência dos estudantes, essa metodologia também pode trazer diversos benefícios para empresas de todos os portes e segmentos de mercado. Descubra o que a gamificação pode fazer por seu negócio!