Aprendizagem baseada em games e gamificação: Apesar dos termos serem parecidos e remeterem ao universo de jogo, eles são diferentes. No ensino fundamentado em jogos o estudante aprende brincando, já na gamificação, são utilizados elementos comuns em jogos, mas com a finalidade de engajar os participantes no processo de ensino e aprendizado.

Ambos podem ser desenvolvidos em diversos segmentos, mas cada um possui seu objetivo. Então, apesar de ser comum a confusão de termos, tratando-os como iguais, aprendizagem baseada em games não é a mesma coisa que aprendizagem baseada em gamificação.

Neste artigo, nós vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre o universo de jogos, bem como da gamificação, para que você tire de uma vez por todas as dúvidas sobre a diferença entre os dois recursos. 

Aprendizagem baseada em games e gamificação: conceitos

Antes de tudo, precisamos deixar claro os conceitos de aprendizagem baseada em games e gamificação, pois a partir disso já é possível compreender melhor as semelhanças e diferenças entre os dois. E, assim, escolher quais das estratégias é a melhor para você.

O que é aprendizagem baseada em games?

Aprendizagem baseada em jogos, também conhecido como game based learning, significa utilizar jogos para melhorar a experiência de aprendizagem de um assunto e garantir resultados específicos.

Nesse tipo de aprendizagem são incorporados elementos do design que proporciona a prática de habilidade em uma experiência diferente ao que o estudante tem no dia a dia em seu ensino, o que facilita a assimilação do conteúdo.

O interessante dessa ferramenta é que ela pode ser inserida no contexto de aprendizagem tanto de forma digital como analógica. Dois exemplos interessantes são o Banco Imobiliário e o Minecraft.

O Banco Imobiliário é um jogo de tabuleiro, portanto, analógico, que tem como objetivo gerar interesse sobre o mercado financeiro e conceitos econômicos. O cenário simula um ambiente de negociação de propriedades e auxilia na aprendizagem de contas básicas.

Enquanto o Minecraft é um jogo digital com finalidade de construir e quebrar blocos. Nele é possível desenvolver ambientes, construções, animais, sendo um ambiente propício para desenvolver mais criatividade.

O que é jogo?

Existem diferentes definições para o termo jogo e a mais comum para os game designers esclarece que um jogo se caracteriza quando pessoas, voluntariamente, participam de uma atividade lúdica com delimitação de regras, espaço e tempo, com o objetivo puro do entretenimento.

Mas isso não elimina a sua eficácia quando aplicado em diferentes contextos, até mesmo dentro do ambiente educacional e motivacional. Existem diferentes estudos que mostram o impacto positivo dos jogos no desenvolvimento de habilidades mentais e motoras, e como eles podem influenciar positivamente no comportamento de crianças e adultos estimulando características como a curiosidade e o raciocínio lógico.

O que é gamificação?

A Gamificação é uma metodologia de motivação humana que utiliza elementos de design, mecânica e pensamento de jogo em práticas não relacionadas a este universo. Normalmente, a gamificação é utilizada para abordar questões mais complexas de maneira mais flexível, ou, ainda para despertar mais interesse aos participantes de alcançarem um objetivo ou realizar algum tipo de ação.

Por ser uma abordagem que foca no participante, ela possibilita uma nova experiência de aprendizado, em que o estudante pode realizar tudo no seu ritmo e o progresso acontece através de diversas atividades.

Nesse ambiente de gamificação, o progresso é reconhecido através de conquistas e recompensas que podem ser tanto intrínsecas (motivadas por preferências pessoais e personalidade) quanto extrínsecas (motivadas por ambições e desejos).

A princípio, a metodologia surgiu em um programa de marketing, mas devido aos benefícios que propiciou, atualmente é utilizada para alcançar objetivos em diversos contextos: aumentar a performance de estudantes no ambiente escolar, incentivar a melhora de quadro de pacientes ou mesmo melhorar o desempenho no treinamento de funcionários.

Um modelo de gamificação mundialmente conhecido é o aplicativo Duolingo, ferramenta para aprender alguma língua. Nesse modelo de gamificação, conforme o progresso do game, o usuário acumula pontos, recebe recompensas e pode medir seu desempenho de progresso.

Mesmo que o cenário seja parecido em ambas as ferramentas, aprendizagem baseada em games e gamificação não são iguais. 

A diferença entre aprendizagem baseada em games e gamificação

Saber a diferença entre as duas ferramentas ajuda a estabelecer o momento entre escolher um e outro para maximizar as experiências de aprendizagem. A aprendizagem baseada em jogos conecta a necessidade de aperfeiçoar uma habilidade com um ambiente lúdico. Por isso, o jogo é conteúdo. Enquanto a gamificação usa elementos de jogo, como a recompensa, quando o conhecimento é adquirido ou há a conclusão de uma etapa.

Se o propósito é que os usuários experimentem sobre ideias, conceitos e outras questões, mas que tenham reflexo no ambiente real, cumprindo um objetivo ou alcançando uma meta, a abordagem a ser escolhida é a gamificação.

Agora, se existe a necessidade de familiarizar os jogadores a conceitos ou apenas proporcionar uma dinâmica mais divertida para abordar algum assunto, sem a obrigatoriedade de uma conexão com o contexto do mundo real, é indicada a abordagem por meio de jogos.

Mas, independente de qual abordagem escolhida, a finalidade é sempre desenvolver experiência de aprendizado diferente que outros recursos (livros, apostilas, vídeos e outros) podem propiciar.

Semelhanças da aprendizagem baseada em games e gamificação

De fato, existe uma confusão entre aprendizagem baseada em games e gamificação, isso porque os dois recursos proporcionam um ambiente diferente às metodologias que estamos acostumados a ver.

Tanto a aprendizagem baseada em games como a gamificação são utilizadas para o processo de aprendizagem e propiciam aprendizado motivadores e desenvolvem grandes experiências aos participantes. Portanto, o que se sobressai nessas duas metodologias é a experiência de aprendizado que proporciona ao aluno.

Além de tudo, as metodologias também estão envolvidas no processo de aprendizado ativo. Nessa tendência, o estudante torna-se mais participativo no procedimento e, portanto, tem maiores chances de se apropriar do conteúdo abordado.

Essa é uma tendência do mercado educacional que tem ganhado muito espaço por conta de sua efetividade, e nos próximos anos será ainda mais requisitada por todo mercado.

Agora você já sabe que aprendizagem baseada em games e gamificação são diferentes. Que explorar ainda mais o universo da gamificação? Leia o artigo específico sobre o assunto. Confira em: O que é Gamificação? Conheça esta tendência de aprendizagem.