LXP x LMS: O que são e quais as diferenças

10 dez 2022

Os processos de aprendizagem foram profundamente impactados com os avanços tecnológicos. 

Novas metodologias, como blended learning e microlearning, começaram a ser implementadas nas empresas e instituições de ensino, trazendo a tecnologia aos estudos para tornar essa tarefa mais engajadora e, assim, eficiente. Nesse cenário surgiram plataformas como a LMS (Learning Management System) e a LXP (Learning Experience Platform).

Nesse artigo vamos explicar como funcionam esses dois modelos e o que eles podem agregar para os processos de aprendizagem da sua organização – seja empresa ou instituição de ensino. Bora aprender?

O que é o LMS?

Também chamado de Sistema de Gestão de Aprendizagem, em português, o LMS é uma plataforma de educação online. Mas, na realidade, é bem mais do que isso. 

O que é o LMS

Essa ferramenta representa um passo adiante para o ensino a distância, pois permite criar, personalizar, organizar e administrar os cursos e treinamentos oferecidos digitalmente – tudo isso no mesmo local, centralizando as tarefas e facilitando o controle dessas atividades.

Desta forma, tem-se um sistema completo de ensino online, com todos os benefícios que esse modelo oferece: conteúdos acessíveis a qualquer hora e local; incentivo à autonomia dos estudantes; aprendizagem mais dinâmica e redução de custos com deslocamento e espaço físico para realizar os cursos/treinamentos/palestras/etc. 

Assim, a adoção do LMS traz diversos benefícios para empresas e instituições educacionais modernizarem o aprendizado de seu público.

No entanto, sempre é possível inovar e melhorar os produtos e serviços oferecidos, especialmente na velocidade com que os avanços tecnológicos acontecem. Nesse sentido, surgiu o LXP.

Como funciona o Learning Management System (LMS)?

Antigamente, para se escrever algo, era necessário a utilização de lápis e papel, hoje, temos processadores de textos eletrônicos como o software Word, que permite que a escrita seja realizada de forma rápida e prática, possível de compartilhamento on-line, impressão de quantas cópias de um mesmo texto for necessário.

E assim como essa ferramenta mudou a forma como escrevemos, a plataforma LMS está mudando a forma em como aprendemos. Pois ela é capaz de armazenar conteúdo tanto em formato de texto, áudio, vídeo e PDF, o material fica todo organizado e em ordem que auxiliem no aprendizado.

Ela permite também que os alunos realizem avaliações capazes de se corrigirem sozinhas, para examinar se o conteúdo fornecido foi de fato compreendido e aprendido.

Após a conclusão de todas essas etapas, é possível recolher os dados para acompanhar o desenvolvimento educacional dos aprendizes, colaboradores, pois o LMS consegue apresentar uma média de aprendizado e de dados que é possível melhorar no ensino e/ou treinamento.

O que é o LXP?

O que é o LXP

O Learning Experience Platform é um sistema de aprendizagem online que se aproveita das vantagens do LMS e oferece benefícios adicionais, como conteúdo personalizado, estrutura mais intuitiva e maior possibilidade de interação.

O foco do LXP é proporcionar uma excelente experiência de usuário para os estudantes, sendo assim um modelo mais eficiente ao priorizar as necessidades e expectativas de quem irá usar a plataforma.

O processo de aprendizagem no LXP é realizado de forma ativa, pois os estudantes têm mais liberdade para escolher seu caminho de estudos, além de incentivar o compartilhamento e interação – os usuários podem adicionar conteúdos próprios para agregar a experiência dos seus colegas.

Isso significa que o público não somente “consome” o aprendizado (como se esse processo fosse uma via única, seguindo a linha de métodos de ensino antigos), mas também participa ativamente para que os outros também aprendam. Ensinar é uma das melhores formas de reter o conhecimento, e incentivar essa postura ativa só ajuda a engajar e motivar os estudantes. 

Desta maneira, tanto alunos de diversas faixas etárias quanto colaboradores de uma empresa terão maior empenho em seus estudos, melhorando seu desempenho nos objetivos de cada instituição.

Alguns artigos explicam que o LXP se aproxima dos conteúdos que são consumidos atualmente na web. Sendo assim, não é uma metodologia atrasada, e sim acessível e familiar com o nível de interação com que os usuários estão acostumados, podendo adotar outras ferramentas em seu contexto, como chatbots por exemplo. 

5 Passos para Gamificar sua Empresa

Isso é um ponto bastante positivo, especialmente considerando as gerações nativas digitais, como a Z, que estão em idade escolar ou começando a entrar no mercado de trabalho. Para ficar mais claro como funciona o LXP, vamos apontar as diferenças desse modelo com o SGA.

Como funciona a plataforma Learning Experience Platform (LXP)?

Diferente da plataforma LMS, os alunos que experimentam a forma de aprendizado LXP, possuem uma experiência mais personalizada, capazes de receber indicações que a própria plataforma oferece, e não só o conteúdo criado da LMS, são sistemas semelhantes, mas o LXP é menos limitante nessa questão de criação, além de ser mais intuitiva.

Como o nome mesmo descreve, a ideia principal é oferecer uma experiência e melhor jornada de aprendizado para quem a utiliza.

Para exemplificar melhor, o LXP é como o uso do streaming do Netflix, segue basicamente o mesmo princípio, conforme você consome seus conteúdos, ele começa a recomendar outros assuntos semelhantes com a mesma relevância.  

A Learning Experience Platform possui uma grande autonomia, e isso torna o aprendizado diversificado e facilitador por seu modo prático e moderno de adquirir conhecimento.

Principais diferenças entre LXP e LMS

Principais Diferenças entre LXP e LMS

Confira um resumo das principais diferenças entre Learning Experience Platform e LMS.

Controle dos conteúdos

No LMS o RH, gestores e empresa (ou professores e instituição de ensino) são os que detêm o controle do conteúdo educacional disponibilizado na plataforma. Já no LXP os estudantes fazem parte do processo, tornando o aprendizado uma experiência mais personalizada, ativa e motivadora. 

Todos ajudam na construção de conhecimento, abrindo as portas para novas possibilidades de troca de conhecimentos. O LMS trabalha com o conceito de agregador, enquanto o LXP atua mais com curadoria.

Agilidade

Considerando o ponto acima, é fácil imaginar que, se apenas alguns atores são responsáveis pelos conteúdos (LMS), o processo de adicionar, corrigir e atualizar os materiais educacionais é mais lento e burocrático.

Já com o estilo mais colaborativo do LXP, essa tarefa é mais rápida e prática. As empresas e instituições de ensino podem disponibilizar seus conteúdos recomendados e apenas monitorar as interações entre os estudantes, deixando com que eles construam o conhecimento de forma mais autônoma.

Inovador

O LXP é um avanço considerando o SGA, trazendo uma dinâmica mais semelhante com que o público está acostumado a interagir na web. Usando conceitos de recomendação e personalização, muitos autores lembram de exemplos como Netflix e Spotify para comparar o LXP. Essa relação mostra como esse modelo está alinhado aos últimos lançamentos reconhecidos por valorizar a experiência de usuário.

Engajamento

Todas essas qualidades impactam no engajamento dos estudantes no processo de aprendizagem. Enquanto o LMS foi um grande avanço no ensino online, seu mecanismo aos poucos foi se tornando ultrapassado, deixando de ser um método dinâmico e motivador.

Já o LXP foca na experiência do usuário, pensando em primeiro lugar nas opiniões dos estudantes. Desta forma essa ferramenta está sempre buscando tornar a aprendizagem algo mais amigável, acessível e engajador.

Ao alcançar esse objetivo, os estudantes terão mais vontade de acessar os conteúdos educacionais e aprender mais, pois o método de ensino será mais motivador e menos cansativo ou monótono. Consequentemente, os alunos/colaboradores terão melhores resultados nos estudos e na aplicação dos conhecimentos adquiridos.

Quais as vantagens de uma plataforma LMS?

Vantagens em utilizar LXP

As vantagens de utilizar uma plataforma LMS são inúmeras, tanto para quem for utilizá-la para adquirir mais conhecimento, quanto para quem a adquire para treinar e capacitar pessoas.

Agora que você sabe o que é uma plataforma de aprendizagem virtual, vou lhe mostrar algumas vantagens para os colaboradores e empresa:

Interação

Ela é capaz de criar relações e dinamismo capazes de aprimorar o aprendizado.

Nível

Usuários ilimitados, podendo aumentar o número de pessoas sem perder a qualidade de ensino.

Inclusão

Determinadas deficiências podem ter acesso à educação por meio digital com a mesma qualidade que qualquer outra pessoa.

Funções

A plataforma LMS é personalizável, portanto pode ser adaptada de acordo com as necessidades de cada usuário.

Programa

Pode ser ajustado para qualquer tipo de treinamento que seja preciso na empresa.

Fácil

O usuário encontrará de forma prática tudo o que é indispensável dentro da plataforma para realizar as atividades sem dificuldade..

Plataforma

É permitido a integração com outras ferramentas e aplicativos, a fim de deixar a experiência completa.

Onipresença

Pode ser acessado de qualquer dispositivo, seja móvel, computadores, tablet, desde que possua acesso a internet, e pode ser logado de qualquer lugar do mundo.

Gastos

Existem as plataformas gratuitas e pagas, mas mesmo que você opte pela paga, os gastos serão muito menores perto do preço que você teria que arcar com: transporte, locação de sala, palestrante etc. 

Essa ferramenta trará para você uma grande redução de custos, além de uma forma muito mais interativa de aprendizado.

Informática

A plataforma de LMS é intuitiva e não requer conhecimentos de informática para usá-la.

Tempo e Local

A facilidade em se adquirir o aprendizado virtual é justamente a regalia de poder acessá-lo a qualquer hora e em qualquer lugar. 

Evita todo o transtorno que é separar uma sala no escritório, chamar os colaboradores, ficar horas em um mesmo espaço.

Na modalidade tradicional muitos podem dispersar a atenção, mexer no celular, alguns não conseguem desligar os pensamentos no trabalho, o que dificulta a aprendizagem.

Informação

O aluno terá total interação com o professor, e será incentivado a procurar informações e recursos para aprimorar seus conhecimentos

Quais os benefícios de uma plataforma LXP?

Alguns benefícios da LXP são semelhantes ao LMS, pois ambas fornecem um alcance maior e melhor no que se diz respeito ao ensino virtual. Além da redução de custos e autonomia de estudo.

Por dispor de um ambiente de aprendizagem dinâmico e acessível, as plataformas LXP são ótimas opções para empresas que buscam contribuir com o aprendizado de seus colaboradores de forma inovadora.

Além de se destacar pela metodologia, essas plataformas também impactam em diversos outros benefícios para a empresa. Confira, agora, os principais deles.

Monitoramento

A empresa pode acompanhar e monitorar os estudantes enquanto os mesmos aprendem de forma dinâmica, prática, eficiente, sem enrolação e de onde estiver.

Aprendizagem individual e dinâmica

A plataforma proporciona um aprendizado individual, assim o colaborador consegue engajar de forma natural, confortável e muito mais motivadora e desafiadora, além de uma interface intuitiva e fácil de ser acessada.

As formas de envolver o funcionário por meio de gamificação, aprendizagem interativa, personalizada possibilitam maior interação e vontade da parte do aluno.

Treinamento personalizado

Os temas que interessam o funcionário dentro da empresa, são disponibilizados à medida que são cada vez mais acessados, ele é instruído a recomendar assuntos conforme maior interação com a plataforma, assim, o aluno passa mais tempo utilizando a ferramenta.

Aprendizado alinhado com a prática

O profissional irá desenvolver suas capacitações e competitividade por meio de pontuações, desenvolvendo um aprendizado que será projetado em uma empresa que adquirirá maior prestígio, valor e funcionários melhores.

Ele lembra um pouco o mecanismo de uma rede social, o LXP possui uma forma de interação entre os membros da empresa que possibilitam registrar a jornada de aprendizado de cada um e a realização de feedbacks, assim como conversas em fóruns, e outras formas de interação entre equipe. 

Gestão de dados

A plataforma de aprendizagem personalizada (LXP) com auxílio do Learning Analytic na educação corporativa se torna uma ferramenta inovadora na gestão de dados. Ela fornece a metrificação de resultados de treinamentos e desenvolvimento, e mensura o Retorno Sobre Investimentos dessas atividades (ROI de T&D), tudo de maneira otimizada e acessível em relatórios de fácil visualização.

A Learning Experience Platform foi criada para realizar a gestão de dados a partir das interações dos participantes. Todo seu conceito foi construído e pensado nisso, para facilitar a coleta e computação de dados.

Ora, além de se destacar por ser aberta, horizontal e personalizada, a plataforma, ainda, se sobressai por ser focada em métricas e ter um sistema tecnológico que facilita nesse sentido. Através dele, por exemplo, é possível comprovar se o processo de aprendizagem tem, de fato, acontecido. 

Tempo para realizar a implementação

O tempo para implementar novos projetos é uma questão essencial para os gestores de empresa e educadores. Comparada a plataforma de LMS, a LXP é uma alternativa bem mais eficiente nesse sentido, pois nesse ambiente é possível gerar de forma rápida uma base de dados e conteúdos.

Isso acontece porque uma plataforma LXP é constantemente atualizada, assim, os conteúdos e as informações são consolidadas sem que elas fiquem obsoletas. Ou seja, a capacidade de gerar conteúdos é a mesma de relacioná-los.

É perceptível que todas as características do LXP são voltadas para facilitar atividades educacionais, treinamentos e desenvolvimento de pessoas. Justamente por isso que outro benefício que ela apresenta é o tempo reduzido para implementar essas práticas de ensino.

Comparado ao LMS, que necessita de meses para ser implementado, a plataforma LXP pode ser concretizada em poucas semanas. O mesmo acontece com os cursos, eles podem ser adicionados na plataforma em poucos minutos, por conta do seu sistema simples e intuitivo.

Participação dos colaboradores

Na plataforma LXP, o processo de aprendizagem se dá de maneira diferente se comparado ao LMS. Enquanto no LMS a transmissão de conteúdo se dá na vertical, ou seja, os gestores são responsáveis por definir e compartilhar os conteúdos com os demais profissionais, na LXP esse processo acontece de forma horizontal, ou seja, qualquer pessoa pode implementar ou criar novos conteúdos.

Nesse conceito, todo colaborador se torna uma figura importante na construção e aquisição de conhecimentos, porque eles passam a ser multiplicadores do conhecimento. Essa prática não só torna o conhecimento mais democrático, envolvente e acessível, como desperta a aprendizagem ativa e possibilita o Social Learning.

Como escolher uma LXP mais adequada

Para entregar todos esses benefícios de forma efetiva, a plataforma LXP precisa conter algumas características. Listamos aqui três delas que são imprescindíveis: a gamificação, o controle de desempenho e a interação. Confira a respeito de cada uma delas.

Gamificação

Gamificação é o uso de design, dinâmicas e mecânicas de jogos em contextos em que o objetivo não é o entretenimento. Na psicologia por trás da gamificação, a lógica e as metodologias dos jogos ajudam na conversão de materiais complexos em conteúdos acessíveis.

Essa prática facilita na implementação de treinamento e desenvolvimento nas empresas, melhora o engajamento e influência na experiência de aprendizagem de todos os participantes. Logo, é importante conferir se a LXP escolhida possibilita que recursos gamificados sejam trabalhados.

Controle de desempenho

A plataforma LXP precisa ser simples e intuitiva para os usuários, porém completa para os líderes. Isso significa que a parte de indicadores de treinamento, acompanhamento do desenvolvimento de cada profissional, resultados dos testes, relatórios e gráficos precisam ser robustos.

Se atente se a plataforma, por exemplo, fornece dados sobre o desempenho de cada colaborador e da equipe, permite micro avaliações e se as informações geradas podem ser acessadas a qualquer momento. Veja, ainda, se o relatório pode ser integrado a outras plataformas e outras funcionalidades que sua empresa possa precisar.

Interação

Outro aspecto importante para avaliar se a plataforma de LXP é ou não boa, é com relação aos recursos disponibilizados para a interação entre os participantes. Por acaso o ambiente LXP disponibiliza várias maneiras de interação? É possível abrir chats ou fóruns para a discussão de conteúdos, debate de ideias, esclarecimento de dúvidas?

maratona de conteudos

Você também deve se atentar se a plataforma consegue entregar uma experiência de aprendizagem integrada aos demais conceitos, como os de gamificação e mídia sociais, por exemplo.

Conclusão

Enquanto o LMS foi uma grande revolução para o ensino online, agora outros modelos estão conquistando espaço para suprir as necessidades dos usuários e permitir novas possibilidades.

O LXP é uma dessas metodologias, tornando a educação à alunos de diversas etapas e colaboradores de empresas um processo mais interativo, dinâmico e eficiente. Entretanto, é possível ter ainda melhores resultados ao combinar esse modelo com outras estratégias inovadoras, como a gamificação

Essa metodologia alia elementos dos jogos com a realização de tarefas com objetivos concretos, como assimilar conhecimentos e cumprir determinadas atividades. Por isso é tão utilizada em escolas, instituições de ensino e empresas para fortalecer o ensino, treinamentos corporativos e outras tarefas.
Quer saber mais sobre gamificação? Converse conosco e descubra como essa estratégia pode beneficiar os processos de aprendizagem da sua empresa ou instituição de ensino.

teste por 14 dias grátis

Perguntas Frequentes:

Engaje. Incentive. Inspire.

  • Engajar times
  • Aumentar performances
  • Agilizar a aprendizagem
Mulher em ambiente gamificado se transformando em sereia

Nossas conquistas

  • Selo top 100 ranking open startups
  • Selo top 10 ranking edtechs
  • Selo Startup destaques liga insights edtechs
  • Selo watchlist company
  • Selo boostlab
  • Selo cubo Itaú
  • Selo GESAwards
  • Selo top 100 ranking open startups
  • Selo top 10 ranking edtechs
  • Selo Startup destaques liga insights edtechs
  • Selo watchlist company
  • Selo boostlab
  • Selo cubo Itaú
  • Selo GESAwards
Pular para o conteúdo