O conceito de liderança positiva é antigo e foi desenvolvido a partir da perspectiva da Psicologia Positiva, a qual visa entender por meio de estudos científicos, como uma visão apreciativa dos talentos, das motivações e das capacidades humanas colaboram para transformar o estado das pessoas.

O líder é a figura que tem como objetivo conduzir um grupo de indivíduos para que atinjam sua melhor performance e contribua para que os objetivos da equipe e da organização sejam alcançados.

O que você vai ver neste artigo:

Ser líder é um desafio, pois ele precisa dispor de habilidades técnicas e ao mesmo tempo ter inteligência emocional para gerir os profissionais e a equipe, ter capacidade de desenvolver seus liderados e isso tudo alinhando as expectativas e interesses da empresa.

Entenda como a liderança positiva pode ser um modelo de gestão facilitador para o objetivo de atingir resultados focando nas qualidades dos profissionais. Neste artigo, você irá conferir o que é a liderança positiva e como exercê-la.

O que é exatamente liderança positiva?

A forma de liderar explorada na liderança positiva não é explorada somente em organizações de trabalhos, mas em contextos como terceiro setor, escolas e afins, em qualquer lugar em que a presença de um líder se faz necessário.

Esse tipo de liderança busca compreender o ser humano a partir da visão que ele tem de melhor; em outras palavras, um líder positivo olha positivamente para seu colaborador, de modo que dê ênfase nas competências que ele possui.

Portanto o objetivo central da liderança positiva é potencializar os bons resultados do grupo de trabalho, para que sejam ainda mais eficazes. O líder então identifica as principais qualidades de cada liderado e passa a incentivar o aprimoramento delas.

Para isso, o líder positivo precisa conhecer sua equipe de forma aprofundada e reconhecer os talentos natos que cada colaborador tem a oferecer. Logo, o modelo de liderança positiva é focado nas competências e experiências dos colaboradores, sendo um estilo de gestão que aparece cada vez mais alinhado com as necessidades atuais do mercado. 

Isso porque, a liderança positiva compreende que as qualidades dos colaboradores – as competências – fazem do empreendimento um local diferenciado no seu segmento, porque ela foca na individualidade de cada profissional e incentiva que ele cresça e ofereça o seu melhor; e essa ação do líder gera nos colaboradores o sentimento de gratidão, e profissionais satisfeitos significa bons resultados para a empresa – ela é vista como uma liderança situacional.

Quais os principais benefícios desse tipo de gestão?

Separamos alguns dos principais benefícios que a liderança positiva pode oferecer para sua empresa. Confira!

  • Aumento da performance

O foco da liderança positiva é valorizar as competências dos colaboradores, de modo que elas sejam aperfeiçoadas ainda mais. Isso gera um sentimento de reconhecimento por parte do funcionário, que faz elevar a sua autoestima profissional, de forma a entregar melhores resultados.

  • Mais produtividade

Profissionais com performance e autoestima elevada tornam-se naturalmente mais produtivos.

  • Alinhamento com as metas organizacionais

A liderança positiva tem como foco o colaborador, mais especificamente as competências que ele dispõe, como você já viu por aqui. Isso significa que esse tipo de gestão automaticamente aproxima líderes de liderados, trazendo consequências positivas para a empresa. 

Os colaboradores, por exemplo, passam a entender melhor os objetivos da empresa e como suas habilidades podem contribuir para que os resultados esperados sejam alcançados.

  • Retenção de talentos

Os custos gerados no processo de onboarding de novos profissionais e no processo de desligamento são elevados, portanto encontrar formas de reter talentos é um objetivo comum entre empresas de todos os nichos e, conseguir isso pode ser até uma forma de criar diferenciais no mercado.

Empresas que mantêm seus funcionários de longa data estão mais preparadas para corresponder com as necessidades dos colaboradores. E como a liderança positiva pode criar um ambiente organizacional agradável e propenso para o desenvolvimento profissional, os profissionais se sentem mais interessados em ficar.

  • Diminuição na taxa de turnover

Um benefício leva a outro. Reter os talentos significa diminuir a taxa de turnover na sua empresa. Incentivar a liderança positiva, portanto, é uma maneira de contribuir para a melhora no clima organizacional da sua instituição, o que impacta no interesse dos colaboradores em continuar fazendo parte da equipe. 

Como desenvolver a liderança positiva?

Se depois de descobrir as principais características da liderança positiva e como ela pode impactar toda uma organização, você ficou interessado em desenvolver este tipo de gestão na sua empresa, então vai gostar de descobrir como implementar esse método. Confira as dicas abaixo.

  • Aposte na relação com seus colaboradores

O líder positivo sempre está muito próximo da sua equipe, portanto o primeiro passo que você precisa dar para desenvolver este tipo de gestão na sua empresa, é criar formas de fortalecer uma relação agradável com seus profissionais, de modo que enfatize nos pontos positivos que cada um tem a oferecer. Uma maneira de fazer isso é procurando destacar as qualidades deles ao invés de recriminar erros eventuais.

  • Empatia

Empatia é a palavra-chave do líder positivo, porque para enxergar as qualidades dos colaboradores é preciso se colocar no lugar deles e entender o esforço que eles entregam diariamente para realizarem suas tarefas, como ele reage a certas situações e outras características importantes.

A partir de uma perspectiva empática, o líder consegue desenvolver estratégias para direcionar seus colaboradores para o alcance dos resultados.

  • Recompensas pelos resultados

Um líder positivo reconhece as qualidades de cada profissional e precisa continuar a incentivar que elas se sobressaiam, para isso uma das características que você pode implementar é a recompensa pelos bons resultados realizados.

Mas essas recompensas devem ser distribuídas a partir de critérios justos, para que o colaborador que verdadeiramente contribui para o sucesso da organização seja recompensado, e ao mesmo tempo, o líder deve instigar os demais que ainda não foram recompensados, para que eles se esforcem e tenham suas chances de ser.

A liderança positiva pode ser desenvolvida a partir de um programa de liderança que dá respaldos para que o líder aprenda de forma efetiva as características que precisa desenvolver para gerir por meio desta metodologia.

Veja a respeito do programa de liderança no artigo: “6 Dicas para desenvolver um programa de liderança eficiente”.