A autoliderança, como o termo indica, é a capacidade do indivíduo liderar a si mesmo. Através dela, a pessoa assume o domínio e a responsabilidade sobre seu caminho profissional e pessoal, a fim de adquirir competências e habilidades necessárias para conquistar seus objetivos.

Em meio ao mercado atual que se encontra cada vez mais exigente e concorrido, dispor da competência de gerenciar a própria carreira é um diferencial de fundamental importância para aquele que deseja obter êxito em sua profissão.

O que você vai ver neste artigo:

Essa capacidade é importante para qualquer profissional, de qualquer área de atuação, mas é ainda mais exigida quando se trata de profissionais que estão em posição de liderança nas organizações, visto que são considerados influenciadores.

Por isso, neste artigo, você irá conferir mais a respeito do significado da autoliderança, como o mercado vê essa competência e, ainda, 5 dicas para você começar a desenvolvê-la e, assim, se beneficiar das vantagens que ela oferece. Gostou? Então é só continuar com a leitura!

Autoliderança: o que é?

autolideranca-1024x576

Autoliderança é um processo no qual você influencia a si mesmo a atingir seus objetivos. Em outras palavras, pode-se dizer que a autoliderança é uma qualidade que auxilia o indivíduo a extrair o máximo de seu potencial a partir do autoconhecimento e, com isso, atingir os objetivos uma vez buscados, tanto no âmbito pessoal como no profissional.

Dispor de autoliderança não é uma escolha arbitrária e nem de efeito imediato, os indivíduos que são considerados “auto líderes” estão constantemente buscando outras características para alcançar essa competência, sendo algumas delas a autoconfiança, autodeterminação, autoconhecimento e por aí vai.

Qual a importância da autoliderança para o ambiente de trabalho?

O recurso humano é o bem mais valioso para uma empresa, afinal esse é um dos poucos diferenciais que uma organização pode ter. A tecnologia é acessível a todos, com a internet, a comunicação (publicidade e propaganda) também.  Agora os colaboradores de uma organização são únicos, por isso são considerados fundamentais para a diferenciação de uma empresa no mercado.

Por isso que, ao alimentar essa percepção, ou seja, reconhecer a importância das capacidades e características comportamentais do colaborador e entender como esses aspectos influenciam no desenvolvimento e na busca pelos resultados, a empresa passa a desenvolver um ambiente que dê a liberdade para que ele se autodesenvolva, expresse essa unicidade e, ao mesmo tempo, a utilize para contribuir com a empresa.

Mas é claro, não basta somente reconhecer, é necessário implementar ações que apoiem essa dinâmica no âmbito empresarial, como disponibilizar cursos e seminários, para que o profissional desenvolva habilidades importantes para exercer sua autoliderança.

Como consequência, os colaboradores passam a se sentir mais livres para direcionar sua carreira dentro da empresa. Porém isso só se torna possível quando os profissionais são de fato capazes de gerir a si mesmo e buscam por um aprimoramento contínuo.

Como desenvolver a autoliderança?

A autoliderança está relacionada a diversos aspectos e por isso que para desenvolvê-la é preciso uma investigação profunda, esta que muda de pessoa para pessoa, envolvendo, portanto, um trabalho de autoconhecimento.

Apesar disso, há algumas questões que são fundamentais para esse processo de desenvolvimento da autoliderança, estas que podem ser trabalhadas em programas de liderança de empresas para ajudar o colaborador nesse processo. 

Nos próximos parágrafos, você terá acesso a esses elementos, bem como a explicação de como cada um contribui para o desenvolvimento da autoliderança. Então, se desligue de tudo por um momento e aproveite o restante da leitura!

  1. Autoconhecimento

A autoliderança está diretamente conectada com o autoconhecimento, isso porque através do autoconhecimento o profissional entende quais são suas forças, suas fraquezas, princípios, valores e objetivos.

Entendimentos que devem estar bem claros, pois só assim o colaborador conseguirá superar crenças limitantes que possam atrapalhar sua evolução e o impedir de ter o domínio da sua própria carreira.

  1. Autodeterminação 

A determinação e a confiança são outros aspectos essenciais para desenvolver a autoliderança. Isso porque ambos proporcionam resiliência, competência importante para superar os desafios que surgem no processo. 

PROFISSIONAIS-DO-FUTURO

A determinação nesse sentido serve para gerar estímulos internos para em seguida influenciar o ambiente externo.

  1. Estar disposto a aprender

A autoliderança também está bastante relacionada ao interesse do profissional em estar aberto para novos conhecimentos, isso porque para se auto liderar é indispensável estar em constante evolução, superando suas limitações, adquirindo competências e aperfeiçoando suas habilidades.

O próprio processo de se auto liderar irá exigir mudanças, porque ele trará consigo novos desafios, sendo, assim, fundamental o aprimoramento contínuo.

  1. Responsabilidade

A responsabilidade é considerada a base para a construção da autoliderança porque é por meio dela que o colaborador se compromete com seus princípios e valores e utiliza desses elementos para dispor de motivação e seguir com seus objetivos.

Tudo isso é importante para que os desafios que limitam o crescimento e a responsabilidade, ou até mesmo impeçam a responsabilidade, como o medo de tomar decisões e a falta de autoconfiança sejam bloqueados, tornando um ambiente propício para o desenvolvimento da autoliderança.

  1. Disciplina

A disciplina é um fator determinante na conquista de qualquer objetivo, inclusive no processo de desenvolvimento da autoliderança. Ela é a responsável por garantir que o colaborador tenha foco nas metas que estabeleceu e nas demais características que ele precisa dispor para alcançá-las.

Ou seja, sem disciplina é quase impossível manter constância e planejamento estratégico para transformar seu objetivo em uma realidade.

Então, antes de buscar por autoliderança, é imprescindível que saiba a importância da disciplina e trabalhe em busca dela, porque sem ela certamente a autoliderança ou qualquer outra competência que deseje adquirir futuramente se tornará um processo sem bons resultados ou mesmo frustrantes.

O processo de desenvolver a autoliderança faz conexão com diversos outros aspectos e você pôde conferir algumas dessas características aqui. 

Mas você sabia que há filmes que também falam sobre elas? No artigo “4 filmes sobre liderança que você precisa assistir“, é possível ver na prática como o autoconhecimento, a autodeterminação, o aperfeiçoamento contínuo, a responsabilidade e a disciplina podem ajudar no desenvolvimento da autoliderança.

teste-gratis-por-7-dias
O que é Autoliderança?

Autoliderança é um processo no qual você influencia a si mesmo a atingir seus objetivos. Em outras palavras, pode-se dizer que a autoliderança é uma qualidade que auxilia o indivíduo a extrair o máximo de seu potencial a partir do autoconhecimento.

5 passos para desenvolver a autoliderança?

1- Autoconhecimento
2- Autodeterminação 
3- Estar disposto a aprender
4- Responsabilidade
5- Disciplina