O principal ativo de
uma empresa não são suas ações ou tecnologia, e sim os profissionais que
trabalham nela. Contar com colaboradores eficientes, dedicados e capacitados é
um fator fundamental para o sucesso de um negócio, pois são eles os
responsáveis pelas atividades da instituição, zelando pela qualidade da cadeia
produtiva, pelo produto ou serviço e atendimento. Por isso é importante ter um
cuidado especial no processo de desenvolver pessoas na sua equipe. 

Quer saber mais sobre
o assunto? Confira agora a importância de desenvolver os talentos da sua
empresa e como fazer este processo acontecer: 

Pessoas – a riqueza da empresa 

Uma das tendências de
gestão que estão cada vez mais se estabelecendo no mercado é a valorização do
capital humano. Esta corrente não enxerga os funcionários apenas como
mão-de-obra, mas como parceiros
essenciais para o sucesso da empresa
. É a força dos colaboradores que faz
um negócio caminhar, seja cuidando da parte administrativa, operacional ou
estratégica: afinal, o dono e gestores não conseguem fazer todo o trabalho
sozinhos. 

Por isso é importante
valorizar os funcionários da empresa, investindo na gestão de pessoas. Isso
significa tirar um pouco o foco dos processos e do produto/serviço, e olhar
para dentro da própria companhia, pensando em estratégias para atrair os
profissionais mais adequados, desenvolver suas habilidades e competências,
reter os talentos e evitar o temido turnover, que causa tantos prejuízos financeiros e produtivos.  E é neste
caminho que um bom processo para o desenvolvimento dos colaboradores vem
agregar aos resultados da empresa. 

O processo de desenvolver pessoas na empresa 

Ninguém nasce sabendo
e também não se aprende tudo na universidade ou em cursos de capacitação. De
acordo com o modelo
70/20/10
, a maior parte do aprendizado dos profissionais acontece por conta
das experiências próprias e, neste sentido, existem algumas habilidades que
somente o tempo e as oportunidades permitem serem desenvolvidas nas pessoas. A
empresa pode auxiliar este processo, abrindo portas para que seus empregados
tenham a possibilidade de crescerem cada vez mais em suas aptidões. 

Entretanto, este
processo não significa somente incentivar os colaboradores a buscar capacitação
profissional, mas também estimular seu crescimento pessoal e o aprimoramento de
habilidades e competências. Isso inclui pensar além do cargo atual que o
funcionário ocupa, considerando a função que o profissional deseja atuar e
aquela em que ele possa se destacar e trazer mais resultados. 

O desenvolvimento dos
colaboradores permite o constante aprimoramento
da equipe
, tornando ela cada vez mais eficiente, antenada à sua área de
atuação e da empresa, além de despertar talentos e engajar ainda mais o
funcionário na instituição. 

A importância do processo de desenvolver pessoas 

A empresa que
valoriza e aplica estratégias eficientes para desenvolver seus colaboradores
tem uma grande vantagem competitiva em suas mãos. Este processo atinge várias
frentes da instituição: 

Seleção e
Recrutamento

Primeiramente, o
processo de seleção de novos colaboradores passa a avaliar fatores além das
experiências e técnicas, analisando também o perfil comportamental do profissional.
Nisso, verifica-se sua compatibilidade com a função e com os valores da
empresa, tornando a contratação mais assertiva. Uma tendência neste sentido é o
recrutamento às cegas – uma forma de reduzir o risco de discriminação, até
inconscientemente, contra os candidatos. 

Retenção de
talentos

Quando o foco são as
pessoas também há a preocupação em criar estratégias para reter os talentos na
companhia, valorizando suas experiências internas e habilidades. O próprio
trabalho de desenvolvimento pessoal e profissional já estimula os bons
funcionários a continuarem na instituição, evitando a rotatividade de pessoal. 

Crescimento
na organização

O desenvolvimento das pessoas permite que os funcionários aprendam novas competências, o que impacta positivamente em seu
trabalho. Dependendo do resultado, isso possibilita sua promoção de cargo ou
então seu remanejamento para áreas que seus talentos possam ser melhor
aproveitados. 

Bom para o
funcionário, melhor para a empresa

Uma empresa que valoriza seus colaboradores acaba oferecendo produtos,
serviços e atendimento de melhor qualidade: afinal se os funcionários estão
felizes, eles realizam seu trabalho com mais dedicação, são mais produtivos e
eficientes. Isso fortalece a imagem da marca, e consequentemente, aumenta sua
fatia no mercado. Esta questão também traz vantagens para o Employer Branding –
a reputação da sua instituição como empregadora que, quando bem avaliada, ajuda
a atrair novos talentos. 

Quem não investe nos
seus funcionários está perdendo
oportunidades de ter colaboradores produzindo ainda mais e com mais qualidade
,
trazendo novas ideias para a melhoria dos processos e da própria organização,
além de arriscar perdê-los para
outras empresas que valorizam seus talentos internos. 

Como desenvolver os colaboradores da minha empresa? 

Para ajudar a
implementar ações que valorizem os talentos da companhia, é possível contar com
o trabalho de um coach – um profissional responsável para fazer o desenvolvimento
pessoal e profissional dos indivíduos. Mas, além dessa possibilidade, existem
algumas estratégias e ideias simples que farão a diferença na gestão de pessoas
da sua empresa: 

Liderança 

Os gestores são os
contatos mais próximos da empresa com seus colaboradores. Por ter essa relação
direta, é importante que os líderes saibam como desenvolver pessoal e
profissionalmente seus liderados, dando feedbacks construtivos sobre seu
desempenho nas tarefas e sobre seus comportamentos na instituição. 

Por isso, é
fundamental fazer treinamentos constantes com os gestores da sua companhia para que sejam bons
exemplos para a equipe e saibam extrair o melhor de cada colaborador. 

Cursos e formações 

Além do lado pessoal,
também é importante oferecer a oportunidade do funcionário aumentar seus
conhecimentos em sua área de atuação. Incentive a realização de cursos e a participação em formações e outros
eventos de seu setor, para que o colaborador esteja antenado nas novidades e
boas práticas,trazendo essas informações para seu dia a dia. 

Uma forma de
estimular esse contínuo aprendizado é criando um plano de cargos e salários.
Assim, o profissional terá uma grande motivaçãopara buscar formação com o
objetivo de avançar em sua carreira – tudo de forma clara e transparente. 

Rotatividade 

Uma experiência
simples, mas que pode agregar aos conhecimentos dos funcionários é possibilitar
que eles atuem em outras funções e setores por um tempo determinado. Assim eles
podem trabalhar diferentes habilidades – como negociação, organização e
comunicação, por exemplo – e aprender como a empresa funciona em seu todo, além
de entender como cada colaborador é importante para seu sucesso. 

Gamificação 

Um método inovador
para desenvolver os funcionários é adotar a gamificação. Esta estratégia alia a diversão dos jogos com o
aprendizado de conteúdos e estímulo a determinados comportamentos. 

A gamificação pode
ser aplicada em treinamentos empresariais, integração de novos colaboradores e
realização de tarefas diárias para tornar todas essas atividades mais dinâmicas
e engajadoras, tornando assim seus colaboradores mais eficientes.