Andragogia: descubra o que é e como utilizar na sua empresa
Educação

Andragogia: descubra o que é e como utilizar na sua empresa

Preencha seu email e receba conteúdos exclusivos
Obrigado pelo seu cadastro!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

A Andragogia vem sendo aplicada nas empresas para melhorar seu treinamento e outros processos de aprendizado corporativo. Esta metodologia tem algumas características específicas voltadas para o ensino de adultos, trazendo assim novas possibilidades e vantagens para a educação empresarial.

Mas você sabe o que significa andragogia e como implementar esse método em sua organização? Vamos te explicar tudo agora!

O que é Andragogia?

Em linhas gerais, andragogia é o ensino para adultos. Alguns teóricos a chamam até mesmo de arte, mas basicamente ela é uma metodologia de ensino voltada a educação desse público mais velho e na aplicação dos melhores métodos para seu aprendizado.

Os adultos têm comportamentos e motivações diferentes das crianças: além de outros fatores, geralmente esse grupo busca conhecimentos que possam ser aplicados em seu dia a dia e que sejam úteis em suas práticas, ao contrário do público infantil. Por isso é importante adotar um método que entenda suas características e necessidades próprias.

A andragogia foi criada justamente considerando as especificidades dos adultos, avaliando sua aplicação em diversas esferas, como a pessoal, social, política e empresarial. Esse método é baseado na motivação e autoconhecimento, levando em conta as experiências que o educando já vivenciou (como também é ponderado no modelo 70/20/10). Geralmente a metodologia andragógica também está associada ao conceito de Lifelong Learning - um aprendizado contínuo para a vida toda.  

O termo andragogia é atribuído ao professor alemão Alexander Kapp, que utilizou a palavra em uma publicação de 1833. Porém muitos consideram “pai” dessa metodologia o pesquisador americano Malcolm Knowles, que ajudou na disseminação dessa teoria na década de 70 ao usar uma abordagem humanista. Apesar dessas datas, de certa maneira, esse método de ensino voltado às necessidades e experiências dos adultos vem sendo aplicado desde a antiguidade, com registros até mesmo na Grécia Antiga.

Por todas essas características, a andragogia começou a ser adotada em diversos processos de aprendizagem tanto no meio acadêmico quanto no corporativo, em palestras, reuniões, treinamentos e outras técnicas de educação empresarial.  

Fundamentos da Andragogia

Para entender melhor a aplicação desse método no ambiente corporativo, é preciso conhecer mais profundamente suas bases. Existem 6 princípios que norteiam a aplicação dessa metodologia nos processos de ensino. Vamos conhecer cada pilar?

1 - Necessidade de aprender: como dito, uma particularidade dos adultos é a necessidade de ter um motivo para aprender: tudo precisa ter uma aplicação prática.  Por isso é importante deixar claro aos educandos desse grupo qual a demanda e os benefícios que esse conhecimento lhes trará.

2- Autoconceito do aprendiz: em comparação às outras faixas etárias mais jovens, os adultos têm maior poder de decisão e responsabilidade por suas escolhas. Por isso o ensino pautado na andragogia respeita a autonomia desse público e sua capacidade de autogestão.

3 - Experiência: os conhecimentos e acontecimentos passados na vida dos adultos, sejam de seus erros e acertos, são levados em consideração na educação andragógica e tem grande importância em seu processo de aprendizagem.

4 - Prontidão para aprender: uma vez que fique claro os benefícios dessa aprendizagem e sua aplicação prática, o público mais velho tem mais disposição e engajamento de adquirir determinado conhecimento para atingir um objetivo e superar os desafios cotidianos.

5 - Orientação para aprendizagem: este item se refere ao objetivo do conhecimento. Geralmente os adultos têm mais abertura a aprender aquilo que possa ajudar a atingir resultados em sua rotina.

6 - Motivação: por estarem tão preocupados com a aplicação real do conhecimento, os adultos enxergam o aprendizado além de si mesmo, buscando benefícios como qualidade de vida, promoção profissional, aumento salarial, satisfação e outros fatores que lhes despertem a motivação.

Todos esses princípios constroem as bases da andragogia. Nesse modelo, o educando participa de um relacionamento mais horizontal de aprendizagem, considerando suas necessidades e motivações para alcançar determinado conhecimento, além de levar em conta sua autonomia e proatividade.

Em sua aplicação no ambiente corporativo, pode-se chamar esse método de Andragogia Empresarial - onde o colaborador se torna responsável por seu aprendizado e o instrutor assume o papel de facilitador desse objetivo.

Como aplicar a Andragogia na empresa?

A adoção desse método na empresa pode trazer diversos benefícios para as mais variadas modalidades de educação corporativa. Primeiramente, a andragogia foi desenvolvida especialmente considerando as necessidades, particularidades e experiências dos adultos. Sendo assim, sua chance de efetividade é maior, pois sabe dialogar com o público-alvo.

Porém, antes de introduzir essa metodologia na companhia é importante avaliar quais são as necessidades de aprendizado dos colaboradores e o objetivo da ação. Quais são os conhecimentos e habilidades que precisam ser desenvolvidas nos funcionários da sua empresa? E como esses pontos contribuem para as estratégias da organização?

Também é fundamental conhecer bem os empregados que participam da capacitação, procurando saber suas experiências e expectativas profissionais, além de suas motivações para se desenvolver e aprender novas competências.

Todos esses tópicos ajudam o RH a identificar qual o melhor método para ser aplicado na realidade da organização. Existem várias ferramentas que consideram os princípios andragógicos e que podem ser aplicados no ambiente corporativo, entre elas estão a aprendizagem profunda, sala de aula invertida, técnica de perguntas e tutoria entre pares.

Além disso, é necessário desenvolver uma cultura de aprendizado contínuo na empresa para colher ainda mais frutos dessa estratégia. Incentivar o desenvolvimento pessoal e profissional e oferecer várias metodologias de educação empresarial são formas de fortalecer a mentalidade de aprimoramento na sua equipe.

Um método inovador de aprendizado que pode ser aplicado na educação empresarial é a gamificação. Essa estratégia alia elementos lúdicos a objetivos com resultados concretos, transformando o processo de ensino corporativo em uma atividade mais prazerosa, engajadora e eficiente.

A gamificação é utilizada em ações como treinamento corporativo, onboarding de novos funcionários e até mesmo na realização das atividades diárias - criando uma experiência imersiva e interativa para motivar o funcionário a cumprir determinadas tarefas. Assim, essa metodologia estimula o colaborador a progredir em seu aprendizado, fixar melhor os conhecimentos adquiridos e ser mais produtivo e ativo em suas funções.

Quer saber como aplicar a Gamificação na sua empresa? Converse conosco e descubra mais vantagens desse método!

Veja outros conteúdos sobre assuntos relacionados:
O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários.
Veja outros posts relacionados
icon localização
Av. Nova Independência, 87 - 9º andar - São Paulo/SP • CEP 04570-000
icon telefone
+55 11 5171-6940
logo sioux grouplogo siouxlogo ludos prologo pgblogo movieplaylogo go gamers
icon facebookicon instagramicon linkedin