Processo de avaliação de desempenho: 5 erros que devem ser evitados!
Educação

Processo de avaliação de desempenho: 5 erros que devem ser evitados!

Preencha seu email e receba conteúdos exclusivos
Obrigado pelo seu cadastro!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

O processo de avaliação de desempenho tende a ser uma dor de cabeça muito grande para os gestores de RH. Isso, porque exige uma série de critérios que devem ser observados para que a ação forneça resultados positivos.

Além da tensão que envolve os líderes, existe o medo por parte dos liderados. Muitos acreditam que esse momento pode significar uma demissão e outros não sabem lidar diante de críticas. É aí que entra o gestor diferenciado.

Se você se identificou com essa situação, não se preocupe! O conteúdo de hoje tem tudo o que você precisa saber sobre o processo de avaliação de desempenho. Confira!

O que é o processo de avaliação de desempenho?

A avaliação de desempenho é uma ferramenta de RH voltada para analisar a performance dos colaboradores a partir de seus resultados e relacionamento com a equipe. Deve ser realizado periodicamente, conforme a demanda da organização.

Dentre os benefícios que a avaliação traz para o negócio, podemos apontar: identificação de necessidade de treinamento e aperfeiçoamento, promoções e bonificações mais justas, aumento da produtividade, realocação de funções, etc.

Quais são os erros mais comuns no processo de avaliação de desempenho?

Conheça 05 dicas que podem ajudar você nesse processo:

1. Erro de recenticidade

Como o próprio nome já diz, esta é uma tendência relacionada a fatos recentes. Uma vez que muitos gestores não se empenham em realizar um acompanhamento de desempenho do colaborador, eles acabam dando notas relacionadas a fatos de curto prazo.

Quando a equipe percebe essa falha, o crescimento da empresa fica prejudicado: como o líder só analisa as performances recentes, os profissionais acabam se dedicando mais apenas em épocas próximas à avaliação.

Dessa forma, o ideal é fazer anotações ao longo do ano, por exemplo.

2. Erro efeito Halo e Horn

Os dois são erros iguais, porém com critérios contrários. Enquanto o efeito Halo remete à tendência de dar notas positivas para uma pessoa em todos os itens da avaliação, o efeito Horn consiste em pontuar negativamente. E isso é muito desmotivador!

Esse tipo de critério é visto pela equipe como parcialidade. Se o gestor gosta muito de uma colaborador, ele o beneficia. Se não gosta, ele o prejudica. Quando a falha é percebida, o grupo não se empenha para trazer resultados, pois o que importa é o relacionamento.

3. Erro de tendência central

Motivado muitas vezes pelo medo ou pela insegurança, o responsável pela avaliação de desempenho tende a dar notas centrais, como 5 ou 6, sem levar em conta a performance real dos funcionários.

A lógica é a seguinte: se as notas forem muito boas e depois o colaborador cair de rendimento e for demitido, a empresa pode culpar o gestor. Já se a análise for ruim e depois o profissional se destacar, é entendido que houve um desenvolvimento.

4. Erro de fadiga ou rotina

Quantos líderes deixam para realizar a avaliação de última hora? A maioria, não é verdade? Quando a equipe é muito grande e o tempo não é suficiente para ser criterioso, o gestor acaba sofrendo com a fadiga ou com a rotina.

Após preencher algumas avaliações, fica difícil distinguir quem é quem. Dessa forma, os resultados acabam sendo muito semelhantes, pois o responsável não quer se comprometer. A dica é dar intervalos entre um preenchimento e outro.

5. Erro de falta de feedbacks

Após a avaliação, é hora de chamar o colaborador na sala para uma conversa. Esse é o momento crucial. A comunicação é a base para um bom relacionamento entre líder e liderado e é preciso estar atento a alguns fatores.

Não foque apenas nos erros e nas características ruins do funcionário. Saiba valorizar as qualidades, pois esse é o diferencial. Dê o feedback separadamente para não constranger o profissional. Jamais grite e nunca se esqueça de agradecer pelo comprometimento.

Se identificou com algum desses erros? Então, deixe um comentário abaixo nos contando como é realizado o processo de avaliação de desempenho em sua empresa e o que pode ser melhorado!

Veja outros conteúdos sobre assuntos relacionados:
O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários.
Veja outros posts relacionados
icon localização
Av. Nova Independência, 87 - 9º andar - São Paulo/SP • CEP 04570-000
icon telefone
+55 11 5171-6940
logo sioux grouplogo siouxlogo ludos prologo pgblogo movieplaylogo go gamers
icon facebookicon instagramicon linkedin