EAD: o que é e como funciona o modelo de ensino a distância?
Educação

EAD: o que é e como funciona o modelo de ensino a distância?

Preencha seu email e receba conteúdos exclusivos
Obrigado pelo seu cadastro!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

Mesmo com o aumento da popularidade, muitos ainda tem dúvidas sobre o que é o EAD e como funciona o ensino a distância. Esse modelo permite um aprendizado mais dinâmico, flexível e acessível, podendo ser usado para diversas finalidades e públicos: desde por escolas, faculdades e até por empresas. 


Descubra nesse artigo o que é o EAD e como funciona essa estratégia, além de conhecer os avanços tecnológicos que tornam esse modelo ainda mais efetivo - seja para sua instituição de ensino ou empresa. Vamos lá?


O que é o EAD?


O ensino a distância é uma modalidade de educação feita por meio de canais digitais. Geralmente o EAD é formado por videoaulas e, dependendo da sofisticação da plataforma, também inclui recursos como fóruns, chats, textos de apoio, infográficos e soluções como a gamificação


O desenvolvimento do EAD foi uma revolução na educação: muitas pessoas tinham dificuldade de dar sequência ou até mesmo finalizar seus estudos, às vezes por conta de problemas com horários, deslocamento ou custos - todos comuns ao modelo presencial de ensino. Com esse avanço tecnológico, agora é possível acessar conteúdos educativos de diversas formas, a qualquer hora e de qualquer local. Não é necessário estar em uma sala de aula física para aprender: basta ter conexão com internet e um dispositivo eletrônico que o conhecimento estará a poucos cliques ou toques de distância.


Isso significou um aumento da acessibilidade ao conhecimento para milhares de pessoas, que podem fazer cursos livres, completar uma graduação ou pós e até se capacitar profissionalmente de forma mais prática. Assim, o EAD se tornou uma ferramenta popular e democrática de aprendizagem, conquistando o mercado brasileiro.


O EAD começou a ser adotado pelas instituições de ensino, seja em algumas ações pontuais ou com cursos 100% a distância, e pelas empresas, em estratégias educativas como o treinamento corporativo. Além da acessibilidade, esse modelo trouxe vários benefícios tanto para as organizações quanto para os estudantes.


Quais são as vantagens do EAD?


A educação a distância propiciou uma série de benefícios tanto a quem adota essa estratégia em seus processos de aprendizagem, quanto para quem estuda nesse modelo. Vamos conhecer essas vantagens?


Flexibilidade


A vantagem mais lembrada é a flexibilidade de estudo que o EAD permite. Não é necessário ficar em uma sala em um horário fixo para aprender: basta um celular, tablet ou computador para encontrar conteúdos educacionais e buscar conhecimento. Isso significa que o estudante pode criar e respeitar o seu ritmo de aprendizagem e utilizar melhor o seu tempo para fazer as atividades. Pode-se ver as aula no caminho de ida/volta de algum lugar, em uma fila ou no intervalo da escola/faculdade/empresa.


Para as empresas isso ajuda a otimizar o tempo do colaborador, que não precisa deixar de lado suas tarefas para participar dos treinamento corporativos, por exemplo. Já as instituições de ensino podem complementar suas aulas presenciais com esse modelo ou então usar a flexibilidade do EAD como chamariz de novos estudantes em um curso 100% digital.


Redução de custos


Essa flexibilização também implica em redução de custos para todos: as pessoas não precisam se deslocar a um local fixo para estudar, o que já representa em uma boa economia de passagens e combustível. Outro ponto é que geralmente o modelo EAD costuma ser mais barato do que o presencial.


Já as instituições de ensino e empresas não precisam investir ou alugar um espaço físico para as atividades, nem gastar com o deslocamento dos estudantes e funcionários até esse ambiente. No caso dos negócios, também ajuda na economia o fato de não necessitar parar a produção - especialmente em épocas de grande demanda - para que o colaborador faça os treinamentos.


Engajamento


Como as pessoas estão cada vez mais adaptadas a linguagem digital, usar uma estratégia tecnológica pode tornar o horário de estudo mais amigável e engajador. As plataformas EAD ainda costumam utilizar formatos diversos de conteúdos nas aulas, como vídeos, áudios, textos, infográficos, fóruns, chats, gamification, fazendo o aprendizado ser mais dinâmico e efetivo, especialmente a quem tem mais facilidade de aprender com estímulos diferentes.


Com os alunos e colaboradores mais engajados na aprendizagem, as instituições e empresas terão maior efetividade em suas atividades educacionais. Imagine aulas e treinamentos com um alto grau de sucesso! A motivação e engajamento são fundamentais para isso ocorrer. 


Como funciona o EAD?


Existem várias formas de se adotar um EAD, seja em uma instituição de ensino ou empresa. Tradicionalmente, utiliza-se as videoaulas para transmitir o conhecimento aos estudantes, porém algumas plataformas também oferecem recursos mais sofisticados e diversos, além de trazer outros conceitos modernos ao ensino.


Um LMS (Learning Management System) possibilita que várias operações envolvendo a educação a distância sejam feitas em um mesmo software, centralizando as tarefas e o controle sobre o desempenho dos estudantes e da estratégia. Já um LXP (Learning Experience Platform) promove uma experiência de estudo ainda mais amigável aos usuários, trabalhando mais esta questão em relação ao LMS. 


Outra possibilidade de usar o EAD é usando metodologia como a microlearning, em que o conteúdo educacional é oferecido em doses menores, mas ainda sim eficientes. Esse conceito leva em consideração a diminuição da capacidade de concentração das pessoas com o passar do tempo, por isso as aulas são rápidas e focadas em assuntos específicos, prendendo a atenção dos estudantes.


O EAD é um método flexível que pode ser combinado com outras estratégias para ser ainda mais efetivo. Uma metodologia normalmente usada em conjunto é a gamificação, que alia elementos dos jogos em contextos que não se resumem ao entretenimento. Na educação, essa metodologia ajuda a engajar as pessoas nos estudos, motivando-as a realizar as tarefas, prosseguir nas aulas e tirar boas notas na dinâmica. 


A gamificação transforma o momento de estudo em uma experiência imersiva e interativa, aumentando o poder de engajamento e motivação do EAD. Desta forma, as duas estratégias se completam para melhorar a educação - seja nas instituições de ensino ou nas empresas.


Gostou de conhecer o EAD? Descubra mais dicas e metodologias especiais de ensino e aprendizagem com os textos de educação no nosso blog!


No items found.
Veja outros conteúdos sobre assuntos relacionados:
O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários.
Veja outros posts relacionados
logo sioux grouplogo siouxlogo ludos prologo pgblogo movieplaylogo go gamers
icon linkedinicon instagramicon facebook